domingo, 26 de julho de 2009

Carta Aberta ao VP de Futebol, Sr. Mário Gobbi


***
São Paulo, 26 de Julho de 2.009.

Prezado Sr. Mário Gobbi, vice-presidente de futebol do SCCP:


O Corinthians é a maior instituição popular do País, patrimônio intangível de milhões de brasileiros.

Nosso alvinegro é história, paixão, tradição, um conjunto de valores que nos marca desde 1.910.

O clube de Parque São Jorge é, sobretudo, sua torcida e o amor que mora dentro desses corações vivos e fiéis.

É certo que qualquer diretor do clube precisa ter esse conhecimento elementar do DNA corinthiano.

Como imaginar um CEO que não conheça os valores e princípios da empresa que dirige?

E como considerar um executivo que não identifique e respeite o público consumidor de seus produtos e serviços?

Infelizmente, o senhor nos deu mostras inequívocas de que ignora a grandeza do Corinthians e também seu propósito.

O Sr. acredita que a finalidade do futebol é o tal "business", é fazer dinheiro para a máquina viciada do futebol.

Nós achamos que o "business" é apenas MEIO para se atingir o propósito fundamental de um clube de futebol: gerar alegria e satisfação para a torcida.

O Sr. desrespeitou todos nós corinthianos, especialmente os irmãos que gastam seus salários para acompanhar o Timão nas arquibancadas, faça chuva ou faça sol.

Considera-nos "medíocres", "ignorantes" e "incultos". E nem cora as bochechas ao lançar esses impropérios em público.

Será que esse é o jeito civilizado e adulto de gerir uma instituição como o Corinthians?

O Sr. mesmo sabe que não é.

O Sr. tem defendido os aumentos escandalosos nos ingressos, a venda não planejada de mandos de campo e o processo de descaracterização do futebol, o que só privilegia os vampiros que exploram nossa paixão.

Portanto, apelando a seu bom senso, solicitamos seu desligamento voluntário e imediato do cargo que exerce no SCCP.

Será certamente um ato de grandeza de vossa parte, e lhe seremos eternamente gratos.

Saudações corinthianas,

Assinado: Movimento Resistência 777

49 comentários:

Mônikita disse...

Apoiadissimo
Assino embaixo e mais esse Sr. não serve msm para administrar o CORINTHIANS.
Não tem tato nem postura emocional em situações adversas.
Alias que fique claro a tal "cultura" temos sim pois na escola da arquibancada aprendemos por anos a fio... isso é VIVÊNCIA.
Já a educação que falta a esse Sr. jamais poderá ser adquirida.
Pq educação vem de berço e berço tem aquele que independente de condição social, cultural e economica sabe o que é respeito e dignidade.

É NÓIS PELO CORINTHIANS SEMPRE!

Reinaldo Vieira disse...

Onde assino?
Tá muito bem explicado e certo; não digeri essas histórias do ingresso nem nada do tipo.

Mais uma do sr. Gobbi, sobre o preço dos ingressos:

"Caro?! Está até muito barato, o futebol que é caro! Nós precisamos de dinheiro."

Ah, e não sei se é só comigo, mas queria perguntar porque tudo no Corinthians gira em torno das dívidas?
Aqui tratam isto como a maior aberração de todas ¬¬

Abração.

Ninão disse...

Se isso for um abaixo assinado, tem meu nome:
Bruno Callegari (Jaú-SP)

Renan Tg disse...

Renan Suconic Rezende

ALEX NAVIRAÍ disse...

FORA JÁ MERCENÁRIOS DO FUTEBOL.
ESSES DIRETORES TEM QUE APRENDER QUE QUEM SUSTENTA A BILHETERIA DO CORINTHIANS NÃO SÃO OS EXECUTIVOS QUE VIAJAM DE AVIÃO DO FILME "FIEL" E SIM OS TRABALHADORES DE FURAM A CATRACA DO ONIBUS PARA PODER VER SEU CORINGÃO.
MAIS RESPEITO COM A MASSA SR GOBBI

Anônimo disse...

concordo esse fdp nao merece a torcida q tem!

Dan disse...

Concordo plenamente temos que tirar esse idiota do corinthians vamos protestar nos estadios até ele sair

Lisete disse...

Tomara que repercuta e que esse fdp saia do timão. A torcida é o maior patrimônio do clube.Mais respeito com a fiel!

diego mota disse...

concordoooo plenamenteeeee
o futebol acima de tudo é feito para a torcida e não para o bolso dos dirigentesss.....

Saragoça disse...

Caro Sr. Mario Gobbi. Nós corinthianos na sua maioria, somos pessoas dignas, honestas e muito trabalhadores. Não somos marginais que o sr. estava acostumado a lidar nos tempos de polícia ( bem sabemos que o sr. foi delegado de polícia). Portanto mais respeito a FIEL torcida corinthiana, pois o Grandioso SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA, não é um time que tem uma grande torcida, somo sim uma GRANDE TORCIDA QUE TEM UM TIME. Esse é um dos nossos principais diferencial reconhecido até mesmo pelas torcidas adversárias. Precisamos de diretoria que além de fazer um bom trabalho em nosso TIMÃO respeite seu principal patrimônio " a TORCIDA " que faz qualquer coisa para acompanhar o time na chuva, no sol, enfrenta filas e ainda por cima paga para ter que passar por isso em pról do " GRANDE CORINTHIANS ". Respeite-nos e peça pra sair enquanto pode fazer isso de cabeça erquida.

Anônimo disse...

NÃO ASSINO....
vcs estão entrando na historinha da imprensa...observem a entrevista que ele dá um recado para estes carlhordas e não vai contra os torcedores!
Sou torcedor também e não me sinto atingido...não deixem que vcs sejam feitos de massa de manobra!!
abraços
Milton

marcos disse...

Concordo e assino embaixo, para começar que ele não é Corinthiano e não sabe oq é ter o sangue puro da massa toda poderosa, nós somos mais que uma torcida, ser corinthiano é ir além de torcer, vibrar e sofrer por um time, mas ele jamais vai saber oq é esse sentimento pois não é corinthiano e não é digno de ser corinthiano, ele não merece então ao pedir demissão de seu cargo ele estaria sendo homem, o mínimo que esse senhorzinho deveria ter é respeito pela instituição que pahga seu sálario e mais ainda se tratando do Sport Clube Corinthians Paulista.

Parabenizo o movimento e dou total apoio.

Ass. Mais um Corinthiano de Corpo e Alma!!!

bruno disse...

Iae Fiel torcida Corinthiana eu também estou a favor de remoção do Sr. Mario Gobbi do cargo que ele exerce em nosso Corinthians.Pois ele nos ofendeu chamando a torcida de ignorantes incultos e medíocres; se ele tanto quer ter uma torcida que só tenha engamadinhos filhos de papai e um bando de pó de arroz que ele procure vaga na diretoria dos bambi porque a massa alvinegra é de pobre favelado e maloqueiro .E pra que ele fique esperto ele procure saber que o CORINTHIANS é o maior clube que existe e que sua torcida irá lhe seguir onde for POR QUE AQUI TEM UM BANDO DE LOUCOS LOUCOS POR TI CORINTHIANS

Dobermann disse...

Concordo em grau gênero e número com este abaixo-assinado e vou mais além, este tal de Mario Gobbi, um ex-delegado que como todos sabem não é profissão de gente íntegra e honesta neste País, deveria calar esta latrina suja e respeitar aos milhões de torcedores que fazem deste clube um campeão de mídia e de audiência. Aqui não é a suja delegacia de polícia "Dr. Gobbi", a qual o senhor falava o que bem entendia, humilhava os humildes e fazia aquele jogo sujo que todo mundo conhece. Fora cretino e corrupto!!

juninhogarrido disse...

Julian Garrido Souza Martin

Tiago Verona disse...

Discordo quando este senhor denominado Mario Gobbi diz que o produto final do futebol é o lucro. O produto final do futebol é ser Campeão, lucro é resultado de uma campanha vitoriosa. Entendemos que o Corinthians precisa de dinheiro mas não é necessário ridicularizar nossa torcida, já que nunca faltou apoio em toda a história do time.
Desde já deixo meu protesto educadamente e lembro que durante a partida contra nosso rival Palmeiras, vulgo porco, o jogador Souza se encontrava no banco e não substituiu Ronaldo, por quê a Diretoria não vem a público e explica que não usou o jogador pra tentar emprestá-lo a outro clube?
Afinal não é só o Diretor que tem o direito/dever de criticar e sim nós torcedores que colocamos a cara p/ defender o Clube.

Anônimo disse...

Esse cara ja deveria estar fora do Corinthians, falar que nos torcedores somos "medíocres", "ignorantes" e "incultos" ja é demais, esse safado so envergonha a todos nos e tambem gostaria de saber pq Andres não saiu com ele de la ainda?

Mister Music disse...

Assino em Baixo
Edaurdo Rossi

Diego disse...

Senhores Corinthianos:

Como um corinthiano de 3º geração me orgulho da defesa que vocês fazem da soberania na nação corinthiana. Porém, Sr. Mário Gobbi tem razão no que fala. Pode ser que tenha usado o "formato" errado para falar sobre o assunto, mas concordo com o conteúdo.

Hoje em dia, infelizmente, o futebol existe para o business, e não ao contrário. Existe esse sentimento de amor e paixão ao esporte somente no futebol amador. O futebol profissional, em todo o mundo, é regido por regras econômicas, baseadas em grupos financeiros que buscam retorno do capital investido.

Conheço o futebol pelo mundo e esse “ciclo” de jogadores faz parte do futebol. O time monta uma equipe, aposta em vários jogadores, faz o time ganhar alguns títulos e vende algumas peças para viabilizar o capital investido anteriormente e viabilizar futuros investimentos.

Essa é a forma correta de se trabalhar no futebol. E no Corinthians, pela 1º vez, estamos tendo uma diretoria que tenta ser profissional. Ainda tenho muitas críticas a atual diretoria, mas essa é a melhor que vi em meus 30 anos de vida. Sem os investidores perceberem que valeu a pena investir no Timão em 2008-2009, como vão ficar tranqüilos para investir em 2009- 2010 e no futuro?

Quem coloca dinheiro no futebol, como já foi dito, é investidor. Pessoa física ou jurídica. E esse cara precisa de retorno para continuar investindo. E é assim que rola o futebol. O futebol de hoje não vive de renda de estádio ou venda de camisetas. Vive de imagem, patrocínios, quota de TV e porcentagens de jogadores. É duro perder o romantismo do esporte, mas o futebol profissional é assim no Brasil e no mundo.

Não concordo com a situação “não-romantica” do futebol, mas para fazer um Timão vitorioso, precisamos de pessoas modernas e que gerem receita para o Timão. Assim novos nomes virão para iniciar-se um novo ciclo. Não defendo Mario Gobbi, só concordo com o conteúdo de sua fala. Assim podemos buscar vôos altos de forma real, como a Libertadores e Mundial 2010.

Força Timão !!!

Eduardo disse...

Vai embora... Se ele mesmo diz que não é um profissional do futebol, pode ir pra casa.
Ignorante e inculto é esse senhor que se considera superior a nós, corinthianos que amamos esse time.

DyogoMarktur disse...

Sai fora Gobbi..pede pra sair!!
Dyogo Cerqueira

Renato disse...

Então futebol visa lucro na venda de jogadores?????Não concordo!!!!
Esse VP está desmiolado,futebol é alegria,entretenimento,diversão.
Não queremos saber se o clube ficou rico ou pobre,a vontade que temos ,e sempre será dessa forma,é a de ver um bom time com jogadores que tenham garra e nos representem da melhor maneira possível.Para que isso aconteça não deveria ter desmanche no elenco da maneira que está acontecendo sem que se reponha à altura os mesmos.
O CORINTHIANS só é CORINTHIANS devido a sua torcida e por mais nada.
Espero e torço para que nosso técnico(será que continua ou sairá)consiga remontar novamente um time competitivo e vencedor.
É por essas e outras que o futebol está perdendo adeptos e vendo seus estádios vazios (além da violência),não se tem mais identidade entre jogadores e clubes e também dirigentes.É lastimável e completamente triste o futebol atualmente...
Por isso tudo eu SOU CORINTHIANS apenas e não torço para nenhum jogador,pois não gosto de bancar de otário!!!

Pança Loka I Love Drinks disse...

CONCORDO PLENAMENTE
ESSE MALDITO DESRESPEITOU O CORINTHIANS E TODOS QUE POR ELE TORCEM E SE ENTYREGAM PELO TIME.
FORA MARIO GOBBI OU POR BEM OU POR MAL.

robson disse...

Ae eu assino aonde
o q depender de mim estou ae
vamos tirar esse kra do corinthians
a unica coisa q eu tenho pra falar
eu estou com vcss

lucaschiavonni disse...

NA VERDADE, O CORINTHIANS VOLTOU A SER O CORINTHIANS DE SEMPRE! UMA ADMINISTRAÇÃO IRRESPONSÁVEL, INCOMPETENTE, OPORTUNISTA ETC...
GANHAMOS O PAULISTINHA E A COPA DO BRASIL! QUER DIZER, NÃO GANHAMOS NADA! AGORA, ELES SÓ QUEREM SABER DE DINHEIRO!!! EM TROCA DE QUALQUER COISA ... VENDEM ATÉ A MÃE DOS JOGADORES ... INFELIZMENTE, NOSSO TIME SEMPRE SERÁ UMA VERGONHA E MOTIVO DE GOZAÇÃO PELOS DEMAIS!!! NAUM TEMOS ESTÁDIO, NÃO TEMOS TIME, NÃO TEMOS ADMINISTRAÇÃO RESPONSÁVEL!!! ESCUTEM, ESSE ANO VAMOS BRIGAR PARA NÃO CAIR ... NO ANO QUE VEM, COMO JÁ ADIANTOU O CARA DE PAU DO PRESIDENTE ANALFABETO (ALIÁS NO BRASIL É MODA PRESIDENTES ANALFABETOS) ANDRES SANCHES, NO ANO DE 2010, CENTENÁRIO, NÃO TEREMOS UM TIME TÃO BOM! QUER DIZER: ACABOU! ESQUEÇAM A LIBERTADORES E TALS! ISSO POR QUE ANTERIORMENTE ELE TINHA FALADO QUE HAVIA UM PROJETO PARA O CENTENÁRIO! ACHO QUE O PROJETO É MESMO PESSOAL! ELE PLANEJOU APLICAR NA SUA CONTA NO EXTERIOR O DINHEIRO QUE GANHOU NA VENDA DO TIME! RS
ESSE É O CORINTHIANS, RETRATO DO NOSSO INFELIZ PAÍS!!!
PÊSAMES A TODOS CORINTHIANOS!

BREDA GAVIÕES disse...

APOIADO.

E DIGO MAIS, ESTE CAPITALISMO E A FALTA DE PLANEJAMENTO ESTÃO SENDO AS ARMAS QUE OS INIMIGOS QUEREM, COMO SE TORNAR ALIADO DE UM CLUBE RIVAL E PRIVILEGIA-LO, MANDANDO PARTIDAS EM CAMPO NEUTRO???

A QUEM INTERESSA UM JOGO DE PORRADA EM UM CAMPO DE VARZEA NO ATUAL MOMENTO DO FUTEBOL TECNICO QUE O CORINTHIANS APRESENTA, SE O JOGO TIVESSE SIDO CONFORME DIZ A REGRA EM NOSSO MANDO NO PACAEMBU, HOJE ESTARIAMOS SOFRENDO ESTAS HUMILHAÇÕES????

QUERO VER AS REPOSIÇÕES, PORQUE NÃO SEGURARAM NOSSOS JOGADORES, VAMOS VIRAR VITRINE???

FORA MARIO IMBECIL GOIABA, AQUI É FAVELA SIM, SEM CULTURA PODE SER, MAS ACIMA DE TUDO MUITO MAIS CORINTHIANO QUE VOCE SEU PORCO IMUNDO.

JOÃO disse...

MÁRIO GOBBI, SEU IMBECIL:

O CORINTHIANS NÃO É SUPERMERCADO.

O CORINTHIANS NÃO É BANCO.

O CORINTHIANS NÃO É ESCRITÓRIO DE DESPACHANTE DO DETRAN.

O CORINTHIANS É PAIXÃO.

E O MAIOR PATRIMÔNIO DO CORINTHIANS É A SUA TORCIDA.

NÃO É O DISCURSO DE UM LIXO INSIGNIFICANTE COMO VOCÊ QUE VAI MUDAR ESSA VERDADE.

MÁRIO GOBBI CUZÃO, SAI FORA DO TIMÃO!

Daniel Damásio disse...

Sem Palavras. Onde eu assino?

Já, já, vou citar-vos no Blog de Louco!

VAI TOMAR NO CÚ, MÁRIO GOBBI!!!

Anônimo disse...

Como os torcedores do Timão não têm cultura. Que não a tem são esses jogadores e dirigentes mercenário.
Nós, torcedores fiéis, estudamos a vida inteira (escola, instituições acadêmicas) para ganhar salários miseráveis (isso quando não ficamos desempregados) e ter de pagar ingressos caros para ver nosso time jogar.
Isso tudo para não estarem nem aí para a gente.
Ex: se morrermos hoje nennhum deles irá se importar. Mas se perder uma chance de ganhar milhões graças a nós...
E ainda nos chamam de ignorantes e sem cultura.
Fora Gobbi!
O nosso Corinthians não é feito com dinheiro, mas com paixão.
Imagine o que seria do clube sem seus torcedores...
"Oh Mário Gobbi, seu Charlatão, muito respeito com a torcida do Timâo"

Jonathan disse...

Apoiadissimo,
como já dizia Miguel Bataglia:
“O Corinthians será o time do povo e o povo é quem vai fazer o Corinthians”.

Mas ele ñ vai sair com uma carta, mas vamos tira esse diretozinho como que nem tiramos o dualib!!!
vamos ser calo no pé dessa diretoria.

diego schmith disse...

apoiado

Netinho disse...

Onde eu assino ?

Tiago disse...

Parabéns pela carta e parabéns a todos pelos comentários. FORA MARIO GOBBI! Já derrubamos ditadores antes.

Anônimo disse...

Eu assino embaixo!

Banho de Sal Grosso disse...

O blogdotimao reproduziu esta consciente manifestação do resistencia777. Vcs estão de parabéns!!!

Não estamos vendo apenas o desmonte do time campeão. Estamos vendo, sim, o desmonte do espírito vencedor.

Toda equipe perde bons atletas. No Brasil, então… Mas a forma como perdemos nossos bons atletas é revoltante (para dizer o mínimo).

A indiferença dos cartolas do Corinthians me deixou com a sensação de que o “bando de loucos” (nós) não passa (para eles) de um “bando de palhaços”.

Disseram que acabou o ciclo. Mas que ciclo é esse? Onde ele começa? Por que não terminou no final da série B? Ou do Paulista? Ou da Copa do Brasil? E porque agora, se ainda não terminou o primeiro terço do Campeonato Brasileiro?

Essa história de ciclo é conversa fiada. A abertura da ‘janela’ na Europa não significa, necessariamente, o fechamento de um ciclo no Brasil. Nada disso!

Disseram também que todo jogador tem que dar lucro. Lucro!? Que lucro é esse que o Corinthians contabilizou vendendo o lateral da seleção e o melhor volante do Brasileirão?

“Lucro”, talvez, apenas para o grupo investidor, que perdeu muito com outras apostas frustrantes (como Élder Granja, que passou a ser dono do passe) e precisou recuperar, a qualquer preço, em cima dos atletas do Corinthians.

Pelo menos por misancene (aquele ‘jogo de cena’ que alguns técnicos fazem na beira do gramado), os nossos cartolas deveriam ter mostrado um mínimo de solidariedade com o meu sentimento e com o seu sentimento, mano leitor.

Não precisariam falar a verdade. Aí já seria exigir muito de cartola brasileiro… Mas, nessas horas, mentiras sinceras me interessam!

O mínimo de respeito (mesmo que por falsidade) é o mínimo que deveriam mostrar para com cada “louco” sofredor que carrega esse time nas costas.

A alma de um time não está à venda. Não morre com o ciclo de vida de um craque. Mas se perde ao ser desvalorizada da forma como andam fazendo no PSJ.

Anônimo disse...

NÃO DÁ MAIS PARA ESSE CARA FICAR NO CORINTHIANS.

Esperar que ele perceba isso, e peça para sair, é perda de tempo. Um retardado que disse o que ele disse jamais se daria conta e cairía na real.

Então, a decisão tem que ser do presidente:

ANDRES SANCHEZ,

O MEDÍOCRE E HOMEM DE NEGÓCIOS MÁRIO GOBBI MOSTROU QUE NÃO SABE O QUE É O SPORT CLUB CORINTHIANS PAULISTA, ALÉM DE TER AFRONTADO O MAIOR PATRIMÔNIO DO CLUBE, QUE É A FIEL TORCIDA.

A FIEL EXIGE QUE ESSE SUJEITO SEJA MEDIATA E SUMARIAMENTE AFASTADO DE QUAISQUER FUNÇÕES QUE EXERÇA NO CORINTHIANS.

COM O CORINTHIANS, COM MUITO AMOR, ATÉ O FIM.

Claudio Fernando disse...

Fooooora Mario Gobbi !!!!!!!

fernando gomes disse...

Tudo na vida tem começo, meio e fim...
então chegou o fim da era do sabbotador gobbi..
em breve, do sabbotado mano...
finalmente, do presidente sem sanches...
douglas era o cérebro e cristian o coração...

Gilson disse...

Perder de 3x0 para a porcaiada me deixou com mais raiva ainda desse Mário Gobbi...
Domingo é dia de encarnar na alma desse pilantra:

MÁRIO GOBBI, CUZÃO - FORA DO TIMÃO!

Thiago disse...

http://blog.estadao.com.br/blog/zanin/?title=qual_e_o_objetivo_final_do_futebol&more=1&c=1&tb=1&pb=1

28.07.09

Qual é o objetivo final do futebol?

por Luiz Zanin

O objetivo final do futebol é dar retorno financeiro ao clube. As palavras são do dirigente Mário Gobbi, do Corinthians. Para mim, esta é a frase da semana, talvez do ano. Se ele fosse um cirurgião, diria que o objetivo final da medicina é dar retorno financeiro ao hospital. Se fosse um professor, diria que o objetivo final da educação é dar retorno financeiro à escola. E assim por diante. O que me encanta na frase é a sua sinceridade brutal. Sua ausência de qualquer pudor ou prurido, seu conformismo absoluto.

Pensei nela ao assistir a Corinthians x Palmeiras, o clássico dos clássicos da cidade de São Paulo, disputado em Presidente Prudente, distante 560 quilômetros da capital. Sei que o mandante deve ter obtido vantagens financeiras para jogar no interior, inclinando-se ao objetivo final do futebol. Mas, afinal, é o derby da cidade de São Paulo e talvez fosse interessante respeitar essa tradição. Mesmo porque o mundo, pelo que dá mostras, não vai acabar amanhã e então seria preciso pensar no futuro mais distante e não apenas no imediato. Para ser claro: pensar num horizonte de dez, 20 anos, e não apenas na semana que vem ou no fim do mês.

Respeitar tradição não é coisa de gente velha. Significa, já que a linguagem é essa, preservar o retorno de amanhã. Cultivar a rivalidade de um clássico para que o interesse pelo jogo se transmita às gerações seguintes. Um Corinthians x Palmeiras em Presidente Prudente parece tão bizarro quanto um Internazionale x Milan em, digamos, Nápoles, que é uma linda cidade, mas nada tem a ver com o derby de Milão. Ou um Sport x Náutico em Caruaru. Não tem sentido. Nada disso faz sentido, por mais que, conforme acreditam os dirigentes, seja aprovado com louvor pela lógica econômica.

Claro que não nasci ontem e nem sou romântico a ponto de achar que as coisas funcionem apenas na base do sentimento ou do amor. Sei muito bem que hospitais precisam comprar equipamentos cada vez mais caros e pagar os salários dos médicos e da enfermagem. Sei que as escolas não vivem apenas de cuspe e giz, mas enfrentam os custos dos laboratórios e, pelo menos em tese, deveriam pagar para manter os melhores professores. Da mesma forma, sei muito bem que o futebol está inflacionado, com os custos cada vez maiores e, portanto, precisa de receita para funcionar. Até aí tudo bem. O futebol virou mesmo uma ilha da fantasia.

Só não concordo é com a inversão entre meios e fins. Parceiros deveriam ajudar os times e não parece que a melhor ideia para isso seja transformá-los em barrigas de aluguel. Trazem o jogador e, se ele vai bem, o revendem em seguida, como foi o caso de Keirrison, entre tantos outros. Se os clubes pretendem explorar o espetáculo, até para vendê-lo mais caro, deveriam se preocupar em melhorá-lo. Não é se desfazendo dos bons e ficando com os medíocres que isso vai acontecer. Se os cartolas querem mesmo garantir receita, deveriam prestigiar quem paga a conta, ou seja, o torcedor. Afinal é ele quem vai ao campo, compra camisa, vê TV e assina pay-per-view. Um dia ele pode se cansar.

Não sei em que tudo isso vai dar, e não estou falando apenas do nosso jogo. Mas, ao contrário do dirigente corintiano, entendo que o objetivo final do futebol seja o próprio futebol: trazer títulos, bons jogos, ídolos e emoção à torcida. O resto, para mim, é conversa. Mas devo estar enganado, não é?

Samuel (Joalvinegro) disse...

Ótimo!

Tenho um blog e já tinha feito um post detonando o gobbi.

(www.timaoblogfiel.blogspot.com)

Estou reproduzindo essa carta lá.

O mínimo que merecemos agora é a consideração por parte da diretoria corinthiana em atender nosso pedido de desligamento imediato desse cidadão.

Se futebol fosse business como ele falou, então nós torcedores somos os clientes. Alguém fala desse jeito com seus clientes?

Apesar de discordarmos do desmanche, o time tem condições de se reestruturar, mas desde que com o apoio da torcida.

Sempre apoiaremos, mas a simples presença ainda desse diretor medíocre atrapalha e muito.

Para que a raiva que sentimos dele não se transfira para o time a sua saída é imprescindível.

Valeu!

menisqüente disse...

O Corinthians é o time do povo!

Diego disse...

Cara Thiago,

muito bem postado esse artigo do Luiz Zanin do estado. Acho que ele reflete bem o sentimento que temos em relação a essa troca de valores do futebol.

No meu comentário acima, quando falo que ele acertou no conteúdo, digo que essa é a situação e, infelizmente, a tendência do futebol, mas discordo completamente dessa inversão de valores. O business deveria estar a serviço do futebol, e não ao contrário.

O Samuel, comentou que se o futebol é business, nós somos os clientes e devemos ser tratados como tal. Com respeito e profissionalismo. Concordo completamente. Especialmente por que, nesse caso específico, faltou muito respeito aos torcedores da arquibancada.

Realmente é muito delicada a relação entre tradição e modernidade. Se um time se moderniza esquecendo da tradição, o time perde seu "espírito" essencial. Porém, um time que só vive da tradição e não se moderniza, tende a acabar pela constante dificuldade financeira que vive. É complicado...

Anônimo disse...

Vamos lá pessoal, hoje último dia 30/07/2009. Ação Solidária http://produto.mercadolivre.com.br/MLB-100804055-kit-exclusivo-23-anos-em-7-segundos-edico-especial--_JM

Anônimo disse...

Concordo com você...

Anônimo disse...

Da ate medo de ser contra alguma coisa, porque com certeza a gente é chamada de "paga pau", "pau mandado", etc.
Nesse caso, acho que esses torcedores cometem um equívoco do tamanho de um bonde.
Explico. Morderam um anzol, com chumbada e tudo, de certa parte da imprensa.
Isto é, fizeram exatamente o que os que estão loucos para implantar uma crise no Corinthians, queriam.
E não adiantam querer justificar, porque já fizeram a cagada.
Que o diretor Gobby não tem cintura, tudo bem, mas neste momento crítico, o que menos interessaria ao Timão, seria uma crise e instabilidade aos jogadores que ficaram.
A própria faixa que levaram ao estádio, com os dizeres, de apoio aos que ficaram, confirma e passa o recibo da merda que fizeram.
Talvez alguem tenha alertado para esse fato, o que motivou a faixa.
Resumindo, deram uma dimensão maior do que se deveria dar, a uma fala do diretor em questão.
Quizeram na verdade, mostrar poder, e chutaram o saco de um, e atingiram o saco de muitos.
No mínimo pouco inteligentes. Não se magoem por favor, e nem me chamem de pau mandado. Não sou.
Só vi o equivoco que cometeram, talvez até com boas intenções, não sei.

Anônimo disse...

Fizeram alguns videos, colocaram na net, acusando pessoas, e transformaram meras palavras mal colocadas pelo dirigente, em uma bandeira, e com essas atitudes, provocaram reações violentas e criminosos.
Os autores, em vista da agressão ao Diretor, que ponham as barbas de molho.
Podem até dizer que não foram os autores, de video, e de acusações em blogs, os agressores, mas que incitaram outros, isso não tem dúvida.
E agora? Quem vai responder pelas agressões físicas?

Fábio disse...

Agressões são injustificáveis em um mundo civilizado. Especialemente ligadas ao mundo do futebol, que é um esporte. E esporte, apesar de ser um paixão nacional, é uma coisa secundária quando se compara o bem estar da população, relacionada a emprego, saúde e alimentação.

Agredir uma pessoa por não concordar com sua posição é um abusurdo. Ainda mais sobre futebol. Quem briga, fisicamente, na mundo do futebol tende a cometer erros irreparáveis que só afastam o esporte do sua essência, que é a integração e saúde (mental e física) das pessoas.

Enquanto houver esse tipo de coisa no futebol brasileiro, seremos o que sempre fomos: um país que aparecem craques, sem estrutura, com corrupção e violentcia nos estádios. Onde é "aceitável" pessoas serem agredidas por torcedores. Isso é a lei da selva! Enquanto isso perdurrar, continuaremos na posição de "periféricos em relação ao futebol mundial de CLUBES.

E copio o colega acima:

E agora? Quem vai responder pelas agressões físicas?

Z.E disse...

EU ACHO QUE ESTOU ENCONTRANDO MINHA TURMA!!!!!!
Esse Gobbi , é muito pequeno perto do cargo que ocupa, e infimo em relaçao ao Corinthians e nao existe frente a torcida corinthiana.